Segunda-feira, 29 de Novembro de 2010
Cuidados para amamentar

O leite materno é a única maneira natural de alimentar uma criança até os seis meses no mínimo. No entanto, o ato de amamentar não é instintivo e deve ser aprendido tanto pela mãe quanto pelo bebê.
O aleitamento materno possui vários benefícios tanto para a mamãe quanto também para o bebê, pois o leite materno é um alimento que é produzido especialmente para atender as necessidades de crescimento, desenvolvimento e de energia da criança até os seios meses de idade. Este é o único momento da vida humana em que somente um único alimento é capaz de suprir todas as nossas necessidades nutricionais.
Outro ponto que merece destaque é as alterações de composição as quais o leite materno passa durante o período de amamentação, o qual acontece para que o leite se ajuste as necessidades do bebê.
Em primeiro momento o leite que sai é chamado de colostro, o qual é especial, pois é secretado pela ama logo nos primeiros dias após o parto, o qual é rico em proteínas, vitaminas A e anticorpos que ajudam na proteção do lactente contra as diversas infecções do mundo exterior da barriga da mamãe. O colostro tem a função de imunizar a criança e ajudar na sua primeira evacuação.
O leite materno é um importante provedor de anticorpos, os quais previnem as doenças comuns na infância. O leite materno contém nutrientes que são facilmente digeríveis pelo bebê e é totalmente seguro de bactérias e microorganismos, pois a amamentação é um processo higiênico com baixo risco de contaminação. A amamentação obriga o lactente a um esforço de sucção maior do que no aleitamento superficial, ou seja, na mamadeira, fortalecendo e desenvolvendo assim o maxilar e facilitando o processo da fala.
Antes de amamentar é importante que a mãe tenha algumas precauções como: evitar grandes quantidades de alimentos que contenham cafeína como, por exemplo, café, refrigerante, chocolate e chá preto, pois parte desta substância é secretada pelo leite e pode causar irritação no bebê e o sono também pode ser alterado;
Observe para que a alimentação não se altere muito de um dia para o outro, pois isso pode causar cólica no bebê;
Observe também se o bebê fica se retorcendo ao mamar, pois isso é o indicativo de cólica e que isso é necessário ser avaliado por um pediatra ou nutricionista para verificar alergia a algum componente da alimentação da mãe;
Não fumar porque a nicotina acaba inibindo a ação da prolactina e ocitocina, os quais são os hormônios responsáveis pela produção e liberação do leite e, além disso, as substâncias contidas no cigarro acabam passando para o leite e pode acabar prejudicando a saúde e o desenvolvimento da criança. Se a mamãe não conseguir parar de fumar o mais indicado é que ela diminua no mínimo o número de cigarros e fumar somente após as mamadas;
Evite a ingestão de bebidas alcoólicas, ou então, beba com moderação;
Não tome nenhum tipo de medicamento sem orientação médica, pois alguns medicamentos podem fazer mal a criança, afinal à medicação pode passar através do leite materno;
O consumo de ácidos graxos do tipo ômega 3 é indispensável à boa formação do bebê, o qual pode ser encontrado em azeite, óleo de peixe, peixes e óleo de canola;
Para amamentar o pescoço do bebê deve estar ereto ou um pouco curvado para trás, mas sem que o pescoço fique distendido ou torcido, o corpo do bebê deve estar voltado para o corpo da mãe e o bebê deve ficar confortável e a mãe relaxada.
Após amamentar é importante colocar o bebê para arrotar ao final da mamada e quando se muda de seio alivia o desconforto causado pelo ar, o qual ás vezes pode ser engolido durante a amamentação. Para facilitar o arrotar do bebê é indicado colocá-lo em posição vertical, apoiando-o contra o peito e dando leves palmadas em suas costas e é totalmente normal regurgitar um pouco de leite.

fonte:http://www.dicasgratisbrasil.com



publicado por adm às 23:08
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar
 
.posts recentes

. Tudo sobre vacinas para g...

. Mulheres aconselhadas a c...

. Quer engravidar? Fique at...

. Saúde: 20% das mulheres g...

. 5 alimentos proibidos na ...

. Vinte e um fatos bizarros...

. Evite certos alimentos...

. Os exames que toda mulher...

. Benefícios da ingestão de...

. Obesidade na gravidez aum...

. Oftalmologista diz que us...

. Tipo de coceira rara na g...

. Usar antibiótico durante ...

. Obesidade na gravidez

. Mulheres com distúrbios a...

.tags

. 10 a 11 semanas

. 11 a 12 semanas

. 12 a 16 semanas

. 18 a 24 semanas

. 19 mitos sobre a amamentação

. 25 semanas

. 26 semanas

. 28 a 33 semanas

. 28 semanas

. 35 anos

. 6 a 8 semanas

. 6 semanas

. 8 a 9 semanas

. 9 a 10 semanas

. abertura vaginal

. aborto

. aborto espontaneo

. aborto espontâneo

. ácido fólico

. actualidade

. acupuntura

. adolescente

. alcool

. alergias

. alimentação

. amamentar

. amniocentese

. analise

. anemia

. ansiedade

. anti-séptico

. aos 30 e aos 40

. as dúvidas

. asma

. bebe

. bebes

. cabelo

. calor

. casamento

. células

. células estaminai

. celulite

. cesariana

. cloasma

. colesterol

. coluna

. concelhos

. concepto

. contracções

. corpo

. corte cirúrgico

. curiosidades

. doença

. dor

. duvidas

. enjoos

. estrias

. exercício

. filho

. gases

. gemeos

. gestação

. gravida

. grávida

. gravidez

. gravidez de risco

. gravidez ectópica

. gripe

. hipertensão

. infertilidade

. leite

. mãe

. mae

. manchas

. mulher

. nascimento

. nomes

. noticias

. obesidade

. paixão

. parto

. pele

. período fertil

. placenta

. placenta prévia

. portugal

. pós-parto

. pos-parto

. prazer

. sangue

. saúde

. saude

. sentimentos

. sexo

. sintomas

. sintomas de gravidez

. testes de gravidez

. ventre

. vida

. video

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2016

. Maio 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

.links
.subscrever feeds