Quinta-feira, 2 de Dezembro de 2010
Estimular a produção de leite

Ficar grávida é o melhor presente que uma mulher pode ganhar. Em primeiro momento, dedique-se a ter uma gravidez saudável e, logo em seguida, dedique-se ao aleitamento materno, pois muitas mulheres optam por não amamentar seus bebês, mas o aleitamento materno é de extrema importância para a saúde e o desenvolvimento saudável do bebê, pelo menos nos seis primeiros meses de vida, pois você irá fornecer ao seu bebê a melhor alimentação que existe.
Depois disso, aprenda as técnicas adequadas para a amamentação, pois para algumas mães e bebês, a amamentação é simples e fácil, já para outras têm que trabalhar para aprender. Existem vários meios para aprender a maneira correta de amamentar e isso acaba levando o corpo a produzir ainda mais leite materno. Preste atenção se o bebê suga o leite direito e se ambos se encontram em uma posição adequada e confortável para a amamentação.
Tente também eliminar o estresse diário, pois esse é um dos fatores mais comuns que causa dificuldade no aleitamento materno, por isso, tente arrumar alguém para ajudar nos serviços caseiros, matricule os seus filhos em outras atividades extras e peça a ajuda dos filhos e também do esposo para ajudar nas tarefas diárias. Tenha um tempo para você, escute música, leia livros, vá a sessões de massagens, passeie e etc.
Cuidar dos filhos é uma tarefa e tanto, pois isso, assegure-se em descansar um pouco, tente dormir ou repousar enquanto o bebê dorme.
Mantenha-se sempre bem alimentada e hidratada, pois muitas mulheres acabam se esquecendo de cuidar de si própria e isso acaba trazendo problemas de saúde e o leite não é produzido em quantidade necessária, por isso, não se esqueça de comer e beber, pois a nutrição e a hidratação são de extrema importância durante o aleitamento materno e também enquanto se está grávida, por isso, tenha uma dieta equilibrada e saudável e ingira pelo menos dois litros de água por dia.
Para estimular o aumento do leite materno o mais indicado é aumentar a frequência das mamadas, pois o fornecimento de leite é produzido de acordo com a lei da oferta e da procura, por isso, experimente em aumentar o número de vezes que irá amamentar o seu bebê.
Não se esqueça também de amamentar com as duas mamas, pois antigamente as mães aconselhavam suas filhas a dar de mama dez minutos em cada seio, no entanto, atualmente temos a informação de que o leite não é igual durante a mamada, sendo que no final há um maior teor de lipídeos que são necessários para o desenvolvimento natural do bebê, por conta disso, o bebê deve mamar na mesma mama até não querer mais ou até esvaziar e na próxima amamentação comece com a outra mama.
Permita com que seu bebê termine a sua própria alimentação quando ele não quiser mais, pois isso pode deixar a mamada mais longa e ajudar na estimulação da produção de leite.
É importante que a mamãe faça massagens nos seios antes e enquanto estiver amamentando o seu bebê, pois isso pode ajudar a mãe a relaxar e também ajuda a estimular o reflexo da descida do leite sem que a mãe sinta dores e o bebê faça muito esforço.
Há no mercado diversos suplementos alimentares que são compostos de ervas que tem o objetivo de aumentar a produção do leite materno.

fonte:http://www.dicasgratisbrasil.com



publicado por adm às 00:15
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar
 
.posts recentes

. Tudo sobre vacinas para g...

. Mulheres aconselhadas a c...

. Quer engravidar? Fique at...

. Saúde: 20% das mulheres g...

. 5 alimentos proibidos na ...

. Vinte e um fatos bizarros...

. Evite certos alimentos...

. Os exames que toda mulher...

. Benefícios da ingestão de...

. Obesidade na gravidez aum...

. Oftalmologista diz que us...

. Tipo de coceira rara na g...

. Usar antibiótico durante ...

. Obesidade na gravidez

. Mulheres com distúrbios a...

.tags

. 10 a 11 semanas

. 11 a 12 semanas

. 12 a 16 semanas

. 18 a 24 semanas

. 19 mitos sobre a amamentação

. 25 semanas

. 26 semanas

. 28 a 33 semanas

. 28 semanas

. 35 anos

. 6 a 8 semanas

. 6 semanas

. 8 a 9 semanas

. 9 a 10 semanas

. abertura vaginal

. aborto

. aborto espontaneo

. aborto espontâneo

. ácido fólico

. actualidade

. acupuntura

. adolescente

. alcool

. alergias

. alimentação

. amamentar

. amniocentese

. analise

. anemia

. ansiedade

. anti-séptico

. aos 30 e aos 40

. as dúvidas

. asma

. bebe

. bebes

. cabelo

. calor

. casamento

. células

. células estaminai

. celulite

. cesariana

. cloasma

. colesterol

. coluna

. concelhos

. concepto

. contracções

. corpo

. corte cirúrgico

. curiosidades

. doença

. dor

. duvidas

. enjoos

. estrias

. exercício

. filho

. gases

. gemeos

. gestação

. gravida

. grávida

. gravidez

. gravidez de risco

. gravidez ectópica

. gripe

. hipertensão

. infertilidade

. leite

. mãe

. mae

. manchas

. mulher

. nascimento

. nomes

. noticias

. obesidade

. paixão

. parto

. pele

. período fertil

. placenta

. placenta prévia

. portugal

. pós-parto

. pos-parto

. prazer

. sangue

. saúde

. saude

. sentimentos

. sexo

. sintomas

. sintomas de gravidez

. testes de gravidez

. ventre

. vida

. video

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2016

. Maio 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

.links
.subscrever feeds